Artigo
  • Família
  • Festivais e Eventos

Mercado Medieval de Óbidos — Reviver o Passado

Óbidos veste-se de novo a rigor para uma viagem à Idade Média. A partir de 12 de julho, revive-se a história entre torneios, tabernas e muitos espetáculos.

11 de julho 2018

Mercado Medieval de Óbidos — Reviver o Passado
Quem vai garante que é sempre para voltar. O Mercado Medieval de Óbidos é um dos eventos mais procurados no centro de Portugal e todos os anos apresenta uma programação que conquista os amantes e curiosos da história da Idade Média.

De 12 de julho a 5 de agosto, as ruas da vila de Óbidos enchem-se de animação para mais uma edição da feira medieval. O som dos trovadores e as danças de época cruzam-se com os cheiros e sabores das tabernas e as cores garridas das pequenas bancas espalhadas pelo interior do castelo.

Mercado Medieval de Óbidos
As atividades diárias incluem arruadas, música, peças de teatro e espectáculos de fogo, não faltando os cortejos medievais. Para uma experiência ainda mais imersiva, pode optar por um Serão Medieval — valor não incluído no bilhete geral —, onde, vestido a rigor, vai percorrer a vila e assistir a um torneio, enquanto se delicia com um belo repasto.

Trocar a idade moderna pela história medieval


Se é adepto de mistérios, saiba que na Escape Tower será possível desvendar o enigma da pedra que cura todos os males. O jogo pode ser feito a dois ou num grupo de cinco pessoas, variando a duração e o valor a pagar: 30 minutos a 25€ por pessoa; ou 60 minutos a 50€ por pessoa.

Mercado Medieval de Óbidos
Tal como em edições anteriores, esta viagem ao tempo medieval pode ser feita com trajes de época. Existem 600 vestimentas disponíveis para aluguer (5€), desde a nobreza, clero e povo. Caso venha já vestido a preceito de casa, saiba que tem um bilhete com preço especial.

O Mercado Medieval de Óbidos está aberto às quintas e sextas-feiras, entre as 17H00 e a 1H00, aos sábados, das 11H00 à 1H00 e aos domingos, entre as 11H00 e as 24H00. Para mais informações, consulte o site do evento.

Fotografia: Mercado Medieval de Óbidos

Partilhe esta sugestão: