Descobrir Portugal
Óbidos — Regresso Aos Tempos Medievais
Artigo
  • Família
  • História e Cultura

Óbidos — Regresso Aos Tempos Medievais

Era uma vez uma vila onde havia um castelo onde viviam reis e princesas e que todos os anos se cobria de chocolate.

10 de outubro 2017

Este bem podia ser o início da história de Óbidos, um local encantado na zona oeste de Portugal. Mas nós vamos desvendar um pouco mais desta vila mágica.

Não fosse a Ginjinha..
... e durante muito anos Óbidos quase que passava despercebida. Quase... porque quem gosta de história, de património e de lugares cheios de pormenores dificilmente deixou de visitar esta vila. Hoje, Óbidos tem o Mercado Medieval, o Festival do Chocolate e o da Ópera, diversos eventos culturais e literários e o Óbidos Vila Natal. Em época de festa, a pequena vila é inundada de visitantes por isso, a nossa sugestão, é que a visite em alturas mais tranquilas para poder desfrutar de todos os detalhes.

Ginja de Óbidos

O romance está no ar!
Óbidos, vila medieval conquistada aos mouros em meados do século 12, sempre teve um espírito romântico muito especial. Foi prenda de casamento de reis a rainhas e local de encontro de Pedro e Inês. Esta mística ainda hoje é visível quando percorremos as ruas estreitas com o seu casario branco debruado a cor animados pelas lojas de artesanato, os cafés e os quiosques de ginjinha. Comece o passeio pela Rua da Porta da Vila que, tal como o nome indica, irá desembocar na porta que murava a vila em tempos idos.

Logo aqui, há um motivo de paragem – a Livraria da Adega. É um espaço dedicado aos livros, claro está, mas onde também pode assistir a tertúlias, beber um café e até comprar uma garrafa de vinho. A Livraria da Adega faz parte do Projeto Vila Literária que agrega outras livrarias e lugares de cultura. Exemplos? O Mercado Biológico, onde funciona uma loja de frutas e legumes e um alfarrabista, e a Livraria de Santiago, instalada numa igreja do século 12.
Passe então a Porta da Vila e não deixe de prestar atenção ao varandim e ao magnífico painel de azulejos. 

Porta da Vila

Vila adentro!

Está na Rua Direita, a mais movimentada via da vila e onde encontra lojas, alguns restaurantes e pastelarias e as típicas bancas de venda de Ginjinha de Óbidos, para beber em copo de chocolate ou da forma mais tradicional.
Avance até à Praça de Santa Maria (fica à direita de quem sobe) adornada pelo templo dedicado à mesma santa. No seu interior destaca-se o Retábulo de Santa Catarina da autoria de Josefa de Óbidos. A pintora, nascida sevilhana e radicada em Óbidos, está sepultada noutra igreja da vila, a de S. Pedro.
Mesmo em frente à igreja encontra o chafariz que era alimentado pelo Aqueduto da Usseira, estrutura que o recebe logo à entrada de Óbidos.

Castelo de Óbidos

Já se imaginou?

A ver uma ópera na cerca do Castelo de Óbidos? Ou a dormir paredes meias com as muralhas? Em Óbidos tudo isto é possível. A fortificação tem origem no tempo dos romanos e foi sofrendo várias alterações e acrescentos, tendo sido recuperado já no século 20. Vale a pena o passeio pelas muralhas (4 km ao todo) até porque sendo o local mais alto da vila é o que lhe oferece a melhor vista.
Passeio feito e alguns quilómetros palmilhados é tempo do descanso do guerreiro, ou não estivéssemos nós em terrenos medievais. E para tal nada melhor que uma ginjinha. Ou duas até porque o que é bom sabe sempre a pouco.

Desafio

Viagem a Óbidos

Faça check-in com a App Via Verde e suba no ranking
Pontos de check-in:
  • Porta da Vila de Óbidos
  • Igreja de Santa Maria
  • Castelo de Óbidos

para ver os check-ins já feitos.

Ao completar Desafios, pode ganhar portagens gratuitas!

Programas relacionados

Ver mais Programas

Sugestões relacionadas