Lisboa está mais verde! — Via Verde
Descobrir Portugal
Lisboa Capital Verde Europeia 2020
Artigo
  • Festivais e Eventos
  • Natureza e Ar Livre

Lisboa está mais verde!

Lisboa é Capital Verde Europeia 2020 e com o título nasceram mais espaços verdes e exposições que pode ver até 2021.

20 de novembro 2020
O ano tem sido repleto de notícias e quase que podia passar despercebido o facto de Lisboa ser a Capital Verde Europeia 2020, mas, com o cargo, nasceram novos jardins na capital.

Tal é o caso do Jardim Caixa e do Parque Verde da Biblioteca Nacional.

O primeiro, anexo ao edifício sede da Caixa Geral de Depósitos, junto à Avenida João XXI, já existia, mas estava fechado ao uso público. Agora, resultado da Capital Verde Europeia, o espaço da autoria do arquiteto Caldeira Cabral pode ser desfrutado por quem reside ou está de visita à cidade.

Já o Parque Verde da Biblioteca Nacional, junto a outro grande jardim de Lisboa — o Jardim do Campo Grande —, conta com cerca de 4 hectares e as obras de requalificação vão trazer mais vegetação e relvado, novos caminhos pedonais e mobiliário para tornar o seu usufruto mais agradável, para além do lago que é uma das grandes novidades que nasceu ali.

Lisboa Capital Verde Europeia em exposições

E já que falamos na Biblioteca Nacional, saiba que é lá que pode ver, até 21 de março de 2021, a exposição “Jardins Históricos de Portugal”, uma mostra que nos leva numa grande viagem por cercas conventuais, santuários, quintas de recreio, jardins botânicos, parques e jardins públicos nacionais.

jardim da Lisboa Capital Verde Europeia
Mas esta é apenas uma das várias exposições espalhadas pela capital, onde se incluem a “Hortas de Lisboa. Da Idade Média ao século XXI”, no Museu de Lisboa (até 19 de setembro 2021), “O mar é a nossa terra”, no Centro Cultural de Belém (até 17 de janeiro 2021), ou a “Grupo do Risco – Desenho em Cadernos e Fotografia”, no Museu Nacional de História Natural e da Ciência (até 14 de março 2021).

Poderá ainda visitar a nova exposição do Oceanário de Lisboa, “ONE | O mar como nunca o sentiu”, uma instalação artística que transporta o visitante numa autêntica experiência sensorial; ou conhecer “Lisboa a pé”, um projeto editorial que divulga e promove visitas culturais a pé pela cidade.

Para mais informações sobre as várias atividades no âmbito da Lisboa Capital Verde Europeia consulte o site oficial.

Sugestões relacionadas