Descobrir Portugal
Onda da Nazaré - Quando o Canhão Dispara
Artigo
  • Surf

Onda da Nazaré - Quando o Canhão Dispara

A onda da Nazaré tornou-se numa das maiores atrações turísticas nacionais. Dezenas de surfistas rumam todos os invernos para Portugal para descer aquela que é uma das maiores ondas do mundo.

13 de outubro 2015

Bastou uma onda gigante surfada por Garrett McNamara, em 2011 e 2013, para que todas as atenções do mundo se voltassem para a Nazaré.
O surfista havaiano veio e venceu, batendo o record do mundo e colocando a antiga vila piscatória no mapa do surf extremo.
Hoje, surfistas profissionais de ondas grandes acompanham de perto as previsões das ondulações de inverno, prontos para comprar, a qualquer momento, o bilhete para Portugal.
Pela Praia do Norte têm passado alguns dos mais conhecidos big riders internacionais, como Carlos Burle, Shane Dorian, Ross Clarke-Jones, Andrew Cotton, sem esquecer o português João Macedo, entre outros. E nem as mulheres ficam de fora. A brasileira Maya Gabeira tem colocado a Nazaré na sua agenda, apesar de, em 2013, ter ficado inconsciente ao surfar uma das ondas gigantes daquela praia.
O risco aqui é iminente, mas conquistar apenas uma destas ondas faz com que tudo valha a pena.



Muita preparação

Os surfistas que surfam ondas grandes passam por treinos específicos no mar e em piscina para preparar o corpo para o eventual impacto que uma vaga daquela dimensão pode ter. A preparação passa por aguentar vários minutos debaixo de água, contribuindo igualmente um grande treino mental.
A apoiá-los têm jet-skis, cujos condutores são altamente treinados em técnicas de resgate e de colocação do surfista na onda.



Fenómeno natural

O Canhão da Nazaré é o grande responsável pelas ondas gigantes que anualmente pode assistir na Nazaré. O maior desfiladeiro submarino da Europa alcança milhares de metros de profundidade e cria a barreira natural para a formação das ondas que atingem a Praia do Norte.
Na vila já se tornou hábito assistir a verdadeiras romarias de pessoas em direção ao Forte de S. Miguel Arcanjo, local de eleição para assistir aos surfistas a desafiarem o poder do mar.
Por isso, não estranhe se for até ao centro histórico e vir as varinas, com as suas tradicionais sete saias, a apregoarem não o peixe mas a onda que cada vez traz mais turistas à região.

Desafio

Surfista de Ondas Grandes

Faça check-in com a App Via Verde e suba no ranking
Pontos de check-in:
  • Forte de S. Miguel Arcanjo

para ver os check-ins já feitos.

Ao completar Desafios, pode ganhar portagens gratuitas!

Programas relacionados

Ver mais Programas

Sugestões relacionadas