Descobrir Portugal
No Caminho do Mármore
Roteiro
  • História e Cultura

No Caminho do Mármore

Grande parte da extração de mármore acontece na zona de Estremoz, Borba e Vila Viçosa. Siga-nos à descoberta de algumas das construções mais icónicas que apresentam orgulhosamente esta matéria-prima.

30 de setembro 2016
Torre de Menagem de Estremoz

Dia1

A Torre de Menagem de Estremoz marca o início da nossa viagem pelo mármore.
Este exemplar da arquitetura gótica data do final da Idade Média e destaca-se por ter sido construído na sua totalidade com mármore.
Com 27 metros de altura, a torre integra o conjunto do castelo e muralhas de Estremoz, classificado como monumento nacional, e é um dos símbolos do património histórico da região.
Por curiosidade, saiba que este monumento é também conhecido por Torre das Três Coroas, por ter sido construído durante o reinado de D. Afonso III, D. Dinis e D. Afonso IV.

Fonte das Bicas

De Estremoz partimos para Borba, numa viagem de cerca de 15 km. Conhecida como a “vila branca”, tais são as influências do mármore, tome o rumo da Fonte das Bicas, junto ao Jardim Municipal.
Esta fonte foi mandada construir por ordem de D. Maria I e D. Pedro III e é hoje Monumento Nacional. Aqui, o barroco evidencia-se pela pedra e dá mote de entrada para o Parque Temático do Mármore, mesmo ao lado.
Neste local é replicado todo o processo de produção da matéria-prima, que poderá conhecer através de um percurso pedestre. Se pretender fazer uma visita guiada terá que efetuar marcação junto do Posto de Turismo de Borba.

Passos da Paixão do Senhor

Agora que já conhece um pouco mais sobre a produção do mármore, parta à descoberta de algumas das suas aplicações na arquitetura local.
Na Rua de São Bartolomeu entra nos Passos da Paixão do Senhor, integrando as Estacões da Via Sacra construídas em Borba.
Aqui poderá ver quatro capelas, de inspiração barroca, encomendadas pela Irmandade do Senhor Jesus dos Passos de Borba, e que remontam aos anos de 1750/60. A utilização do mármore nas suas fachadas é uma das caraterísticas mais notórias.

Museu do Mármore de Vila Viçosa

Vindo de Borba, logo à entrada de Vila Viçosa, chega ao Museu do Mármore. Não é à toa que se encontra mesmo ao lado da Pedreira da Gradinha. Este é igualmente um local onde pode conhecer um pouco mais sobre a história deste material.
Dividido por várias salas temáticas, este museu passa em revista os vários aspectos desta indústria e a sua evolução ao longo dos tempos.

Convento das Chagas

Parta para o último ponto de paragem deste roteiro do mármore: o Convento das Chagas, mesmo ao lado do Paço Ducal.
O Real Convento das Chagas de Cristo, como também é conhecido, foi erguido em 1514 a mando do 4º Duque de Bragança, D. Jaime,  para ser o Panteão das Duquesas de Bragança.
Transformado atualmente na Pousada D. João IV, é no interior que pode ver várias construções em mármore, como o claustro, as pedras sepulcrais, um poço retangular e um lava-mãos, entre outros detalhes na construção e decoração.
Se já se fizer tarde, pode sempre optar por passar uma noite neste local monumental.

Desafio

Atrás do Mármore

Faça check-in com a App Via Verde e suba no ranking
Pontos de check-in:
  • Museu do Mármore
  • Paço Ducal
  • Jardim Municipal de Borba
  • Castelo de Estremoz

para ver os check-ins já feitos.

Ao completar Desafios, pode ganhar portagens gratuitas!

Programas relacionados

Ver mais Programas

Sugestões relacionadas