Descobrir Portugal
Roteiro de Lisboa a Sagres
Roteiro
  • História e Cultura
  • Natureza e Ar Livre
  • Sol e Praia

Roteiro de 3 dias de Lisboa a Sagres

Pegue no carro e desça no mapa. De Lisboa a Sagres esperam-no praias encantadoras e vilas charmosas que vale a pena conhecer.

02 de setembro 2020
Lisboa

Dia1

Iniciar este roteiro em Lisboa é seguir as pegadas dos grandes descobridores que noutra época saíam da capital portuguesa rumo à conquista e exploração marítima. Mas esta viagem faz-se por terra e não há local melhor para a começar do que na Praça do Comércio.
Esta é uma das mais belas praças de Portugal e uma das maiores da Europa, tendo sido construída depois do terramoto de 1755, substituindo o Terreiro do Paço, nome pelo qual também hoje é conhecida.
Durante séculos, e até aos dias que correm, é vista como a sala de visitas de Lisboa e foi muito tempo cais de desembarque para reis e chefes de Estado.
Se ainda não conhece, vale a pena começar a sua viagem por aqui. Beba um café no Martinho da Arcada e trace rumo para a outra margem do Tejo.
Parque Natural da Arrábida

Siga viagem para o Parque Natural da Arrábida, um dos locais mais extraordinários do distrito de Setúbal. Das mais lindas praias do país, ao Convento da Arrábida ou o Portinho da Arrábida, poderia passar horas por aqui.
Mas o relógio não para e a nossa sugestão é que, depois de um passeio pela serra, vá até Setúbal para conhecer os locais mais emblemáticos da cidade e para se entregar a um almoço com a estrela de qualquer mesa sadina: o choco frito!
Depois de almoço, apanhe o Ferry com a Via Verde para Troia. A bonita península está à sua espera, com uma bela marina e praias incríveis a pouca distância do cais de desembarque.
Praias da Comporta

Continue a percorrer o litoral, rumo a Sines, o berço do navegador Vasco da Gama. Pelo caminho conhece as extraordinárias praias alentejanas da Comporta e de Melides. Não deixe de passar por esta última vila para conhecer a igreja matriz, datada do séc. XVIII, ou a Fonte dos Olhos.
Chegado a Sines, há vários pontos de interesse a ter em conta, do Forte do Revelim à Igreja de Nossa Senhora das Salas, a Praia Vasco da Gama ou o castelo.
Esta cidade é também o local ideal para passar a noite e recuperar energias.
Vila Nova de Milfontes

Dia2

Comece o dia pela “Princesa do Guadiana”. Vila Nova de Milfontes é um chamariz para quem visita o litoral alentejano e, se o tempo estiver bom, convida a um belo passeio.
Entre tanto que esta vila tem para oferecer, espreite o Forte de São Clemente e o monumento aos aviadores que se encontra mesmo em frente e aproveite para ir tomar o pequeno-almoço à pastelaria Mabi. Os croissants são muito famosos!
Zambujeira do Mar

A Zambujeira do Mar é a próxima paragem deste roteiro e o mar chama por aqui. Desde a praia grande da vila à bonita Praia dos Alteirinhos, o que não faltam são bons areais para mandar um mergulho. Mas se não quiser colocar o pé na areia, as pequenas ruas da Zambujeira do Mar convidam a um tempo de esplanada, acompanhado por uma bebida fresca e um petisco local.
Chegada a hora de almoço, a nossa sugestão vai para “O Sacas”, um restaurante perto do porto de pesca da Entrada da Barca. Não deixe de experimentar o Polvo à Bulhão Pato.
Odeceixe

Continuando a descer a Costa Vicentina, Odeceixe é de paragem obrigatória. Por aqui há mar, mas também há rio, com as águas da Ribeira de Seixe a desaguarem no Atlântico.
A vila vive do turismo, que se espalha pelas ruelas e que anima o comércio e os restaurantes locais, mas é à praia que todos acorrem, tendo esta sido considerada uma das Maravilhas de Portugal.
Arrifana

De Odeceixe para Aljezur para terminar o dia. O Castelo de Aljezur é uma das oito fortalezas mais emblemáticas do Algarve e deste alcança-se uma bela vista sobre a localidade. As ruas da vila são para percorrer de forma vagarosa, com paragem nos dois templos católicos locais: a Igreja da Misericórdia e a Igreja Matriz de Nossa Senhora da Alva.
E por que não apreciar o pôr do sol, na Praia da Arrifana, uma das mais conhecidas da zona?
Aldeia da Bordeira

Dia3

A Bordeira quase que passa despercebida. É uma pequena viragem da estrada principal que leva a esta pequena aldeia cheia de charme. Por aqui pode seguir os trilhos rurais que convidam ao passeio. Não deixe de descobrir a fonte pública que abastecia a população local em tempos remotos.
Passe depois pela Carrapateira, um dos destinos muito procurados na época do verão e termine a manhã em Vila do Bispo, com todo o seu casario branco.
Para o almoço, recomendamos a “Tasca do Careca”, um clássico da região, para provar a sopa de peixe, o entrecosto grelhado ou as lulas recheadas.
Sagres

Chegámos ao destino: Sagres! É a ponta mais ocidental do país e um dos quatro cantos de Portugal. A vila algarvia, que teve um papel relevante na história dos Descobrimentos, vive hoje do turismo que procura nas ondas e no vento dias de diversão.
Apesar de pequena, o que não faltam são coisas para fazer por aqui, da praia, às esplanadas, passando pelos monumentos como o Forte do Beliche ou o Farol do Cabo de São Vicente.
Mas Sagres não é fim da viagem. Pode bem ser o início de uma aventura de descoberta pelo barlavento algarvio.
Desafio

Road trip

Faça check-in com a App Via Verde e suba no ranking
Pontos de check-in:
  • Praia de Odeceixe
  • Convento da Arrábida
  • Praça do Comércio, Lisboa
  • Castelo de Sines
  • Farol do Cabo de São Vicente
  • Igreja Matriz de Vila do Bispo
  • Castelo de Aljezur
  • Forte de São Clemente
  • Capela de Nossa Senhora do Mar

para ver os check-ins já feitos.

Ao completar Desafios, pode ganhar portagens gratuitas!

Sugestões relacionadas