Descobrir Portugal
O Maior Jardim Oriental da Europa
Top
  • Romance
  • Natureza e Ar Livre

O Maior Jardim Oriental da Europa

Não é preciso gastar uma fortuna em voos internacionais para entrar no universo oriental. No Bacalhôa Buddha Eden, os guerreiros de terracota marcam presença e nem falta um toque mais contemporâneo oriundo de outras partes do globo.

30 de janeiro 2017
1 Escadaria dos Budas Dourados

O Que Torna o Bacalhôa Buddha Eden Especial

Localizado no Bombarral, na Quinta dos Loridos, o Bacalhôa Buddha Eden foi inicialmente criado pelo Comendador José Berardo, como resposta à destruição dos grandes budas afegãos de Bamiyan.
Seguindo esse mote, nasceu um espaço que ocupa cerca de 35 hectares, pertencente à Bacalhôa, ocupado por dezenas de budas, vários pagodes, lagos e extensos jardins delicadamente trabalhados. Uma verdadeira ode à paz!
Para construir, em 2007, as estátuas que hoje pode ver na propriedade, foram precisas mais de seis mil toneladas de mármore e granito oriundas da China.

2 Guerreiros Xian em Terracota

Entre Guerreiros e Budas

Quem visita o Buddha Eden vai à procura da verdadeira experiência oriental e não sai desiludido. Espalhados pelo local, encontra dezenas de budas que contam um pouco da cultura e crenças de vários povos orientais e do Budismo.
Desde os Treze Budas dos Mortos, cada um com as suas caraterísticas especiais, à Escadaria dos Budas Dourados que orientam o visitante até ao Buda Deitado e ao Buda Gigante que se ergue no horizonte com os seus 21 metros de altura.
Outras das estátuas mais apreciadas por aqueles que se deslocam até ao Buddha Eden são os Guerreiros Xian em Terracota, que se destacam pela cor azul forte. Aqui, perca-se nas suas expressões e detalhes.

3 Jardim de Escultura Moderna e Contemporânea

Arte Moderna

Outras figuras povoam o espaço do Buddha Eden. No Jardim de Escultura Moderna e Contemporânea, peças selecionadas da coleção Berardo convivem com plantas diversas, permitindo uma visão diferente do clássico oriental.
Obras de Alexander Calder, Fernando Botero, Tony Cragg, Lynn Chadwick, Allen Jones, entre outros artistas, dão a conhecer novas formas de arte, sendo regularmente substituídas para gerar novas experiências visuais aos visitantes.

4 Jardim de Esculturas Africanas

Esculturas Africanas

O Jardim de Esculturas Africanas é dedicado ao povo Shona do Zimbabué, que há mais de mil anos esculpe pedra à mão e a transforma em obras de arte.
Aqui existem mais de 200 esculturas dispostas sob mil palmeiras, numa verdadeira selva de pedra.
O povo Shona mantém a crença que cada pedra tem um espírito vivo e que os seus trabalhos fazem a união entre os dois mundos: o físico e o espiritual.

5 Lago do Pagode

Jardins e Lagos

Os jardins do Buddha Eden foram projetados para transmitir a sensação de paz e harmonia, numa sintonia de caminhos e recantos que convidam ao passeio.
Também aqui a água ganha uma importância vital, com o Lago das Palmeiras e o do Pagode, bem como com os Lagos da Tranquilidade, junto das Torres de Pagode.
Aqui, convivem as tradicionais carpas Koi e os patos que fizeram do local a sua casa, com margens adornadas com cerejeiras e as árvores japonesas.
O Bacalhôa Buddha Eden está aberto todos os dias — à exceção dos dias 1 de janeiro e 25 de dezembro —, entre as 9H00 e as 18H00. O bilhete tem o custo de 4€.

Desafio

O Turista Oriental

Faça check-in com a App Via Verde e suba no ranking
Pontos de check-in:
  • Bacalhôa Buddha Eden

para ver os check-ins já feitos.

Ao completar Desafios, pode ganhar portagens gratuitas!

Programas relacionados

Ver mais Programas

Sugestões relacionadas